Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Sobre fins que nos fazem recomeçar

A mudança é assustadora. Às vezes ela é um monstro enorme e indomável, tantas outras é um monstrinho que a gente enfrenta rápido. Mas independentemente do tamanho ou intensidade, é mais do que normal que, ao sair da nossa zona de conforto -que algumas vezes de confortável não tem nada- nos sintamos assustados e inseguros mesmo. A gente não sabe o que nos espera, como vai ser, como agir ou reagir às novas sensações, situações e momentos.
Como e quando essa mudança acontece também é algo que foge do nosso domínio. Conheço pessoas que esperam há anos que algo que anda desajustado se ajuste em sua vida e outras que em pouco tempo teve a vida revirada de cabeça para baixo. Umas escolheram mudar. Outras foram obrigadas, viram-se em um beco sem saída. Mas o que eu quero dizer com todo esse papo sobre mudar e mudanças é que não importa quais sejam, não importa se a gente escolheu ou não, fechar ciclos e, consequentemente, experimentar mudanças, é algo que vai acontecer em nossa existência sem…

Últimas postagens

Ele é o meu agradecimento diário

O que quase nunca é dito: nem só de babacas meu caminho é feito.

Todo mundo tem um pouco de Joana

Para você que está com o coração sangrando

Minha melhor amiga é um presente de Deus

Intimidade é o aninho da alma

Perder um grande amor dói. Mas perder-se dói muito mais.

Desprezo não é sinônimo de apego

No mais, estou indo embora...

Deixem a mulher gozar!